"Eu não sou uma sonhadora. Só devaneio para alcançar a realidade!" C.Lispector

segunda-feira, 14 de julho de 2008

a diferença é saber diferenciar:
o preconceito do aceitar
o beijo roubado do beijo a se dar
o correr do caminhar

o jeito é saber ajeitar:
o cabelo do neném à ninar
o travesseiro do pai à sonhar
a chupeta da criança à chorar

o modo é saber mudar:
uma peça que não quer encaixar
uma roupa que não quer combinar
um coração que não quer amar

o sonho é saber dormir:
acordar para sorrir
se lembrar de onde ir
e fechar os olhos sem ter que fugir

o amanhã é saber amanhecer:
nos braços de quem vai continuar a lhe querer
no lugar que lhe acolher
sendo quem você quiser ser




fazer é não esquecer:

ser diferente do jeito à mudar
o
sonho para amanhecer,

e brilhar



16 comentários:

  1. Definições poéticamente perfeitas. Parabens.
    Texto muito bonito.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  2. Ê boniteza...

    Beijos.

    ResponderExcluir
  3. Como você escreve bem,né não?
    Uma lindeza
    .
    beijocas moça bonita
    .

    ResponderExcluir
  4. Utilizar fenômenos naturais para se explicar a grandeza de um sentimento verdadeiro faz com que a escrita fique de fato extremamente poética e saborosa de ser lida... vc faz isso com maestria! Parabéns!

    ResponderExcluir
  5. adorei.

    muui belo =D

    já falei que vc é uma oima poetiza?

    ResponderExcluir
  6. Uau, amei o post! Você é uma poetisa de primeira!

    Tem presente pra você lá no meu blog :)

    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Sonoridade incrível.

    Você é uma poetiza.

    Bejo!

    ResponderExcluir
  8. Gostei muito de caminhar por suas letras! ^^
    Sempre acho um texto bonito quando, ao final, sinto um súbito arrepio. Seu texto provocou isso.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  9. Que coisa mais linda, Jé!!Como sempre, vc me emociona. Maravilhoso mesmo!!!Não sei o que dizer!!!
    Ah, amei o que vc fez nos seus blogs preferidos!! Bjo, querida!!

    ResponderExcluir
  10. OI,Jéssica! Adorei o novo texto! Bjos!

    ResponderExcluir
  11. Mas ela é toda ...
    Toda colorida!
    (eu queria fazer poemas assim)

    bjo

    ResponderExcluir
  12. achei a frase final lindissima, fiquei pensando nela um tempao! adorei, jeh!
    saudades. manda noticias. beeeijo

    ResponderExcluir
  13. oi... obrigado por ter voltado ao meu blog! Realmente me senti bem por eso!


    abração.

    ResponderExcluir
  14. Vc me deu ma idéia: vou escrever sobre o jeito, ou os jeitos que damos na vida...Bjo, valeu!

    ResponderExcluir

"Eu vou me acumulando, me acumulando, me acumulando - até que não caibo em mim e estouro em palavras." - C. Lispector